Ligue agora (48) 3304-7904 consulta online

Estético: Fios de PDO Polidioxanona

Fios de PDO Polidioxanona

                                          

 

Fio Polidioxanona

 

Origem: A técnica do fio de polidioxanona foi descoberta na Korea, em meados do ano 2006, pelo renomado Dr.Kwon Han, Koreano cirurgião estético, presidente e diretor de importantes associações de medicina estética em diversos países asiáticos, tem status de celebridade em seu pais, é médico das maiores estrelas asiáticas. A descoberta da utilização deste fio foi apenas por observação. O Dr Han, percebeu que a cicatriz ficava menos evidente com a utilização do fio de polidioxanona e também, a pele em volta ficava com um aspecto mais jovem. O trabalho foi desenvolver uma técnica que colocasse os fios embaixo da pele de uma forma menos traumática possível. Ele desenvolveu uma agulha, tão fina como a de acupuntura, capaz de deixar o fio na pele. Na Korea a técnica deste fio é conhecida como o "Segredo das estrelas Koreanas” conforme matéria do site http://www.urbanhealth.com.my/beauty/ultra-v-lift-beauty-secret-of-korean-stars/

 

Essa técnica se disseminou rapidamente na Ásia sendo hoje a técnica que mais rentabiliza as clinicas estéticas e que mais satisfaz os pacientes. Cresceu rapidamente na Korea e logo se espalhou na Tailândia, Japão, Singapura, Malásia, Rússia, Indonésia, China e agora que está chegando na Europa, Brasil e EUA. A previsão nesses novos mercados é de grande aceitação principalmente pelos resultados já constatados e pela origem da técnica, afinal toda mulher sonha em ter uma pele firme e sedosa que as maioria das asiáticas possuem. Não esquecendo que o mesmo resultado é obtido na pele masculina.

 

O produto: Combinando finas agulhas de acupuntura com o fio Polidyoxanone PDO* ou PDS**, ( fio sintético 100% biodegradável que tem sido utilizado há muitos anos, principalmente como sutura em cirurgias internas) . Surgiu uma forma de aplicação com invasão mínima. Essa combinação permite a inserção muito sutil do fio nos locais desejados de forma quase imperceptível pela derme.

 

PDO (polidioxanona) é uma fibra sintética potente, que consiste em um filamento (mono-filamento) ou dois filamentos torcidos sólidos (poli-filamentos) que se dissolvem após um determinado período de tempo no tecido. A Polidioxanona é um material conhecido e utilizado na medicina há muitos anos, principalmente para a produção de suturas subcutâneos e pele, em cirurgia cardiaca, gastroenterologia, urologia, ginecologia, oftalmologia, como outras.

 

 Com base em observações clínicas, verificou-se que estimula a produção de novo colágeno - proteína responsável pela tensão e firmeza da pele. Além disso, a estimulação de fibroblastos resulta na estimulação da síntese de elastina - a proteína responsável pela firmeza e elasticidade da pele. In vivo, verificou-se igualmente que o efeito de polidioxanona faz com que haja síntese de ácido hialurônico natural.

 

Através deste mecanismo, a pele, aonde é aplicado o PDO, se torna mais firme, elástica e hidratada.

 

A tecnologia de introdução é baseada na utilização das linhas de tensão da pele natural, que também provoca um efeito semelhante a um lifting cirúrgico.

 

 

 

Os Threads PDO também podem limitar a força dos músculos faciais e obter os efeitos estéticos próximos da administração da toxina botulínica - relaxamento muscular e características faciais suaves, porém o efeito estético é mais natural do que o da toxina botulínica, porque não fixa músculos da mímica no lugar, mas atua apenas, enfraquecendo o seu efeito.

 

Ao introduzir as Threads PDO, temos melhoria imediata na aparência. Depois de cerca de 10-30 dias, começa a síntese de proteínas naturais do corpo (colágeno e elastina). Este processo continua ao longo do período em que os fios se mantêm no corpo (até 240 dias). Os efeitos estéticos resultantes persistem tipicamente até 36 meses.

 

Ao realizar esta técnica, estamos fortalecendo o tecido flácido e devido à rápida absorção do fio, não há nenhum risco de espessamento e cicatrizes, como acontece nos casos de utilização de fibras de grande diâmetro e fios com longo período de biodegradabilidade (mais de um ano). Este é um tratamento indicado principalmente para pacientes de todas as idades, dependendo da indicação.

 

Os efeitos do tratamento são: Rejuvenescimento da pele, Suavização das rugas, Fechamento dos poros, Luminosidade para a pele, Volume, Lifting imediato, Fortalecimento de tecido etc.

 

As principais indicações paro uso dos fios são:

 


 

No rosto: 

 

• Flacidez na área da papada após emagrecimento, lipo ou ácido deoxicólico pela perda da gordura do submento.

 

• Rugas da testa horizontais e verticais

 

• Testa, bordas externas das sobrancelhas, tecidos moles, sobrancelhas caídas, pálpebra inferior (bolsas)

 

• Bochechas

 

• Dobras naso-labial (bigode chinês)

 

• Queixo duplo

 

Pela técnica de Efeito V-lifting:

 

• Contorno da Mandíbula

 

• Dobras de pele no rosto 

 

 

 

No corpo: • As pregas e rugas da pele no pescoço e decote (colo)

 

• Tecido flacido

 

• Pele "insensível" e tecido subcutâneo (especialmente após a lipoaspiração)

 

• Obesidade - braços, abdômen

 

• Crescimento de cabelo

 

Suas indicações estão ampliando com a pratica clinica. Já existem pesquisas para vitiligo e psoríase. Temos alguns resultados de rosácea e melasma muito promissores.

 

 

 

ProcedimentoA terapia consiste na inserção de pequenas agulhas carregadas com mini-fios de polidioxanona (PDO) que permanecem na derme após a remoção das agulhas. O procedimento não exige período de recuperação, o retorno às atividades normais é quase que imediato.

 

Resultados Efetivos de longo prazo
Os fios PDO começam a atuar imediatamente, a partir da terceira semana os efeitos reais começam a ser visíveis e o ponto de efeito máximo é atingido após 2 a 3 meses.

 

A absorção dos fios ocorre entre 6 a 8 meses e durante este período os fios inseridos estimulam a hipoderme, a ação dos fibroblastos, a circulação sanguínea, aumentando a produção de colágeno e elastina, retardando o processo de envelhecimento da pele. Os efeitos estéticos deste procedimento perduram por até 36 meses em média, conferindo uma melhoria significativa na aparência, textura e firmeza da pele, dando um aspeto mais descansado. A fibrose que é formada ao longo do período sobre o músculo tratado é a principal responsável pela sustentação da pele mesmo após a absorção do fio.

 

Se necessário, o procedimento de implementação de novos fios pode ser repetido até obtenção do efeito desejado e os retoques podem ser realizados a qualquer momento.

 

Vantagens do tratamento
• Lifting não-cirúrgico;
• Não apresenta rejeição ou efeitos secundários significativos;
• Procedimento simples e rápido;
• Pode ser combinado e/ou complementado com outras técnicas de medicina estética como preenchimento com ácido hialurônico, toxina botulínica, vitaminas, entre outros;
• Efeitos serão sempre naturais, não produz deformações ou alterações nos traços;
• Retorno às atividades normais quase que imediato.

 

Possíveis reações pós procedimento
• Pele avermelhada;
• Dor persistente ou inflamação nos primeiros dias;
• Possibilidade de infeção muito baixa se cumpridas as recomendações básicas de higiene.

 

Contra indicações
• Infecção na região de tratamento;
• Doenças autoimunitárias ativas;
• Gravidez e lactação;
• Diabetes grave não-controlada;
• Doença cardiovascular aguda.

 

Resultados

 


Promove o rejuvenescimento efetivo da pele, estimulando a produção natural de colágeno e elastina. Provoca um efeito lifting notório de forma imediata fornecendo vitalidade, elasticidade, eliminando o temível aspecto de cansaço que normalmente se instala na pele com o passar dos anos.

 

Melhora significativa do aspecto das rugas, dos sulcos nasogenianos e da flacidez, deixando a pele visivelmente mais firme.

 

Fonte da imagem: http://www.essencecare.com.br/fio-polidioxanona/

Compartilhe esta página